Autores | Joanne Rowling

-2

Olá leitores, tudo bom? Um tempo atrás um pessoal da minha faculdade começou a debater as semelhanças entre a Cásper e Hogwarts… Bem, rendeu uma página no facebook e um grupo. Bom, isso me inspirou a falar sobre a mulher que mudou a minha vida, quando eu tinha apenas 7 anos de idade: J.K. Rowling.
J._K._Rowling_2010
Joanne Rowling nasceu em Yate, na Inglaterra em 1965. Desde pequena e;a escrevia histórias fictícias, e lia para sua irmã mais nova, Diana. A primeira história que se recorda de escrever se chama “Coelho”, e ela tinha cinco ou seis anos, que conta a história do coelho chamado Coelho, que pega sarampo e é visitado por seus amigos, inclusive uma abelha gigante. A inspiração para Dumbledore veio do diretor de sua escola primária.
Apesar da infância boa, a adolescência foi complicada, enfrentando a doença de sua mãe e uma relação conturbada com o pai. Hermione é inspirada nela nessa fase, uma “sabe-tudo”, já Ron é inspirado em Sean, seu melhor amigo no Ensino Médio (que tinha um Ford Anglia turquesa rsrsrsrsrsrs). Foi monitora-chefe com A Levels em Inglês, Francês e Alemão (ta aí a Hermione).
Não foi aceita na Universidade de Oxford, e acabou estudando na Universidade de Exeter, onde encontrou pessoas parecidas e finalmente começou a se sentir melhor em relação a si mesma. Estudou em Paris por um ano, e depois de formada se mudou para Londres, para trabalhar como pesquisadora e secretária bilingue na Anistia Internacional.
Depois de um tempo, ela e seu namorado foram para Manchester, e entre uma viagem de trem para Londres, surgiu a tal história do menino que estuda em uma escola de magia e bruxaria, e como ela mesma disse, já veio tudo pronto, e começou a trabalhar no primeiro livro na mesma noite. Durante a escrita do primeiro livro, Rowling enfrentou a morte da mãe, e passou seus sentimentos para os sentimentos de Harry – algo evidente em A Pedra Filosofal. Em mais uma de suas viagens a trabalho, Rowling se encontrou em Porto, em Portugal, dando aulas de inglês.
Em Portugal, conheceu seu primeiro marido e teve sua primeira filha em 1992, Jessica Isabel Rowling Arantes. Os motivos do divórcio cedo ainda são desconhecidas, porém isso afetou profundamente a carreira e a vida de Rowling. Ela e sua filha se mudaram para a Escócia, com Harry Potter em sua mala. Nessa época ela se via como uma fracassada: sem marido, sem emprego e com uma filha para cuidar. Daí surgiram os Dementadores, que são uma representação de sua depressão clínica.
Decidida a mudar, começou um curso de formação de professores na Universidade de Edimburgo, e escrevia capítulos de seu novo livro em cafés – a melhor maneira de fazer sua filha dormir. Assim, depois de algum tempo ela conseguiu um emprego como secretária. E assim, chegaram as boas notícias: um agente literário havia se interessado na história de Rowling, e a história acabou na Editora Bloomsbury.
jk-rowling-author-photo-harry-potter-and-the-deathly-hallows-book-cover-photo
A parte chata da história: seu agente não queria publicar uma atroa mulher, achava que os meninos não gostariam. Assim, pediram que ela assinasse com suas iniciais, e em uma homenagem à sua avó Kathleen, o ‘K’ foi adicionado no meio.
Para que não imaginava que iria viver escrevendo livros, Rowling foi classificada pela revista Forbes como a primeira pessoa a se tornar bilionária em dólares escrevendo livros, e a segunda artista feminina mais rica do mundo. Hoje em dia, ela mora na Escócia e tem uma casa em Londres. Se casou novamente e teve dois filhos.  Rowling lançou depois de Harry Potter, “Os Contos de Beedle O Bardo”, “Morte Súbita” e sob o pseudônimo de Robert Galbraith lançou “O Chamado do Cuco”. Rowling aproveita seu dinheiro de sobra e participa sempre de projetos sociais e doação, além de diversas honrarias.
Acho que nem preciso falar do sucesso de Harry Potter. Algum dia (provavelmente em julho rs) pretendo vir aqui e contar só a história do livro, que com certeza mudou a minha vida, a da Renata e de muita gente. É graças a ela que decidi ser escritora e acabei como jornalista (sabecomoéné).
Eu sei que deveria ter falado sobre um autor de terror (juro que é ele semana que vem!!), mas não me agüentei a não falar de J.K. Rowling.
Beijos!!!

assinatura cami

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s